Nota de pesar pela morte da síndica Ludmilla Rivas da Silva


A ABRASSP - Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais, manifesta seu profundo pesar diante do assassinato da síndica Ludmilla Rivas da Silva, de 37 anos, que ficou preocupada ao ouvir a criança chorar e foi a casa da suspeita que acabou a esfaqueando no pescoço. Ela administrava um prédio no Bairro Parque São José, na Região Oeste de Belo Horizonte. 


Ela foi vítima da intolerância e da falta de respeito com o próximo, que dedica parte do seu tempo para o bem da coletividade e foi morta a facadas 

Em um contexto crescente de assassinato de mulheres, a ABRASSP - Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais exige das autoridades do judiciário mineiro o pronto julgamento, condenação e a responsabilização dos envolvidos no crime.

Aos familiares e amigos, sentimos profundamente a perda desta grandiosa síndica com destacada contribuição a coletividade condominial e nos colocamos à disposição para quaisquer auxílios por meio da Seccional Minas Gerais da ABRASSP - Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais.


Silvana Rigoto Teodoro
Presidente da seccional Minas Gerais da ABRASSP


Paulo Roberto Melo
Presidente nacional da ABRASSP
Compartilhar

Por: ABRASSP

0 comentários:

Postar um comentário

ABRASSP - Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais